mar de prata

Abril 07 2009

A cada dia que passa apercebo-me que sou bem insignificante, que há tanta coisa a acontecer ao mesmo tempo que tento sobreviver!

Há uma grande dificuldade em ser feliz, porque as nuvens teimam em continuar por perto, ameaçando um ténue equilíbrio...

Tendo não pensar muito nisso, mas o medo não me deixa viver livremente... Há sempre uma sementinha a ameaçar brotar e estragar tudo o que temos.

Como pedir provas de amor? Amar é acreditar, mas é também saber que se é amado! E como poderei saber isso, quando parece que há uma parte de ti que não conheço e não tenho acesso?

É super confuso... Como poderei mudar tudo isto e saber que estás comigo para sempre e acreditar que apenas a mim irás amar até ao fim dos teus dias!

Preciso de provas de amor constantes, preciso de me sentir amada, desejada e acarinhada mais do que uma vez por dia, sempre, a toda a hora!

A traição deixou-me uma marca que parece nunca mais me querer largar... Só espero que nunca mais me tente sequer marcar!

publicado por mardeprata às 00:39

aliança entre o mar que me viu nascer e a lua de prata que ilumina o meu caminho
mais sobre mim
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

13
17
18

19
20
21
22
23
25

26
27
28
29
30


pesquisar
 
site meter
blogs SAPO