mar de prata

Dezembro 13 2012

Descobri o teu verdadeiro rosto, aquele que tu escondes atrás de falsos sorrisos e de palavras meigas...

Não, não me deixo enganar mais!

Não, não volto a cair na tua conversa!

Descobri que és uma serpente disfarçada, um poço de inveja e de cobiça!

Se queres ser feliz, luta! Faz por merecer!

Não fiques a remoer e a invejar o que tenho!

Nao tentes estragar a minha felicidade!

Não te direi que vi o teu verdadeiro rosto, mas saberei defender-me de ti.

Fugirei de ti!

A partir de agora só ouço ou digo banalidades.

E se quiseres podes ir embora: não fazes cá falta!

 

 

publicado por mardeprata às 22:54

aliança entre o mar que me viu nascer e a lua de prata que ilumina o meu caminho
mais sobre mim
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
14
15

17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


pesquisar
 
site meter
blogs SAPO